18 de Fevereiro de 2018

Coleta de lixo é parcialmente retomada em Aracaju, afirma Cavo

Coleta de lixo é parcialmente retomada em Aracaju, afirma Cavo

A empresa Cavo informou na noite desta quinta-feira (9) que a coleta de lixo foi parcialmente retomada em Aracaju. Os serviços foram suspensos nessa quarta-feira (8) por conta da greve dos trabalhadores que cobram o pagamento do salário de janeiro.

Segundo a empresa, metade do salário em atraso já foi paga aos agentes de limpeza e o restante do valor deve ser depositado na conta dos trabalhadores no próximo dia 15 de fevereiro.

Ainda de acordo com a Cavo, o pagamento efetuado pela Prefeitura de Aracaju corresponde a dois terços do montante total da dívida, estimada em mais de R$ 28 milhões. A empresa também alega que a Administração municipal estaria se recusando a receber seus representantes para negociar o débito.

O prefeito Edvaldo Nogueira se reuniu, nesta quinta, com o presidente da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), Mendonça Prado, para discutir a paralisação da coleta do lixo.

“A Cavo tem que resolver os problemas com os seus empregados e retornar a prestar o serviço. A dívida foi deixada pela gestão passada, sobre a qual já editamos um decreto renegociando o passivo. O que diz respeito ao nosso governo, nós antecipamos o pagamento da primeira parcela para que Aracaju não voltasse a enfrentar estes problemas. Esta greve não foi gerada pela Prefeitura”, afirmou Edvaldo.

Mendonça não descartou a rescisão do contrato com a Cavo, caso haja novos transtornos para a população aracajuana. “A empresa voltou com um percentual mínimo, o que não vai solucionar o problema do lixo acumulado nas últimas 24 horas. De modo, que este acúmulo não pode chegar a 48 horas, que é o que está acontecendo principalmente na Zona Norte da cidade. Não descartamos novas punições à empresa e, se necessário for, a rescisão contratual”, disse.

 

Fonte: F5 News

Related posts